Amanhecer de Fogo e Magia

Esse é o tipo de livro que tem tudo para se tornar um marco da literatura fantástica nacional. Isso se deve unicamente ao fato de que a trama é regada de intrigas políticas, romance, magia e mistérios. Aquele tipo de história que empolga, aquece o coração e deixa aquele gostinho de quero mais ao final.


“Você não dança, sabia? Você se torna a música, se funde a ela.”

Nome: Amanhecer de Fogo e Magia
Autor: Lari Oliveira
Páginas: 331
Editora: Publicação Independente


Sinopse: O Reino de Aliance precisa de novas rainhas. É assim, que após um ritual, Serena e Aurea se tornam suas novas governantes. Entretanto, com o reinado, além de grandes responsabilidades, também surgem mistérios e traições dentro de um reino que está prestes a ruir. Além disso, um amor proibido e avassalador surge no meio de toda a tempestade que as cerca. Resta a Serena e Aurea, lutarem para salvar o Reino de um iminente Colapso.


Amanhecer de fogo e magia” é o primeiro livro de uma trilogia do gênero de alta fantasia romântica. Entretanto, arrisco a dizer que esse primeiro volume é uma promessa de que muita coisa boa está prestes a vir, afinal é notável que a autora, Lari Oliveira, tem muito a contar.

Através de uma escrita fluída, conhecemos um reino prestes a entrar em colapso devido a uma trama política repleta de segredos e mistérios que podem ser prejudiciais para todos. É em meio a isso, que conhecemos as protagonistas Aurea e Serena, duas jovens mulheres destinadas a serem rainhas e uma mudança em todo o universo criado.

“Aquele castelo tinha algo apodrecendo dentro de si, não importava o quanto as paredes bonitas e os cômodos bem feitos tentavam esconder isso.”

Essa, é uma história de fantasia que une com maestria uma trama política inteligente com um romance avassalador proibido de acontecer, além de contar com uma série de mulheres fortes e empoderadas que deixam essa história deliciosa de acompanhar. Outro ponto positivo, são as inúmeras representatividades que autora apresenta, uma história que certamente consegue retratar a todos.

Um Reino prestes a ruir

Eu gosto de histórias de reinos e magia. Gosto de tramas que envolvem a política dentro de um império. Acho a construção desse tipo de narrativa fenomenal. E em “Amanhecer de fogo e magia” não é diferente.

Aqui, temos uma trama que detêm como pano de fundo, uma intriga política muito bem construída, apresentando ao leitor como o reino de Alliance está permeado de mentiras e falhas. Um lugar que apesar de sua aparente beleza, está prestes a ruir; seja devido a mistérios e segredos guardados e escondidos das novas rainhas, seja pelas traições que ocorrem ao longo da trama ou mesmo devido a inveja crescente dos governantes de impérios vizinhos.

O pano de fundo político é absurdamente bem desenvolvido.

“Mas, a ilusão de um reinado cem por cento justo é apenas isso, uma miragem.”

A política cega. E a autora, Lari Oliveira, consegue transmitir isso muito bem em sua narrativa, apresentando uma forma de governo que tenta a todo custo ser perfeito, mas que no fundo, está prestes a cair devido aos seus próprios erros.

Vale mencionar, que toda a história antiga da monarquia de Alliance é muito bem elaborada e apresentada ao leitor, mostrando como certas atitudes ainda refletem dentro das camadas daquele lugar aparentemente perfeito, fazendo com que o passado seja um espelho do que poder ocorrer no futuro.

Afinal, se a oposição de um reino consegue destruí-lo no passado, nada impede de que isto seja feito no futuro.

Magia e construção de universo

Toda construção de universo em “Amanhecer de fogo e magia” é incrível. E mesmo que algumas coisas fiquem confusas e em aberto, acredito que a autora amarre todos os pontos até o final da trilogia.

Entretanto, vale destacar o quanto a construção de universo é bem-feita. Aqui temos um mundo próprio que se destaca por ter suas próprias leis, regras, forma de governo e festejos. Além de deter sua própria religião e fé, apresentando ao longo de todo o enredo um panteão que além de bem elaborado, também é bem idealizado.

“Seu poder cresceu dentro dela e, de repente, todas as estrelas do céu pareceram pertencer ao seu mundo particular.”

O mais interessante de tudo, é perceber como a autora insere a magia dentro de cada momento da narrativa, apresentando seres místicos que conhecemos de outras histórias, lendas e mitos que percorrem o nosso próprio mundo. A magia, também aparece em momentos de euforia em que as feiticeiras têm de usar seus poderes, mostrando toda a grandeza do universo criado.

Ou seja, é uma obra carregada de magia e feiticeiras. Algo que eu achei fantástico. Temos mulheres no comando o tempo inteiro. Feiticeiras poderosas e fortes que mostram o tempo todo que são donas de si próprias e que sabem se cuidar.

Mulheres no Comando

O que eu mais amo em um livro? Exatamente, “Mulheres Poderosas”!

E tenho que exaltar o quanto “Amanhecer de fogo e magia” reflete essas mulheres maravilhosas que eu amei amar e odiar. As mulheres mandam, fazendo com que os homens sejam meros coadjuvantes em uma história em que a feminilidade detêm e carrega em suas costas todo o protagonismo.

“As rosas sempre me pareceram mais belas, ao mesmo tempo em que a dureza de seus espinhos sempre me chamou a atenção. Acho peculiar a forma como o perigo pode ser encontrado nas coisas com mais beleza.”

Seja pelas feiticeiras que regem as duas rainhas, ou pelas próprias protagonistas. Aqui, as mulheres são únicas e fortes, dotadas de experiência de batalha, de sabedoria e força. São personagens incríveis que cativam ao leitor que procura por uma boa história regada de um bom protagonismo feminino.

Entretanto, vale ressaltar que mesmo com as mulheres sendo o centro de toda a trama, isso não excluí a presença masculina dentro da obra. Aqui, o sexo masculino está presente, sendo importante para a construção do universo, servindo como base para a guarda do castelo, bem como para que segredos fiquem implícitos dentro da narrativa.

Romance LGBTQIA+ maravilhoso!

E o que falar do romance que acontece dentro de “Amanhecer de Fogo e Magia”? É maravilhoso! Perfeito. Aqui, Lari Oliveira, nos brinda com um casal que se conhece aos poucos, que se apaixona aos poucos e que juntas passam a conhecer o significado de amar e ser amada.

“Talvez houvessem feridas que precisassem existir, afial, para que outras coisas belas pudessem florir nos buracos que elas deixavam.”

As rainhas Aurea e Serena são personagens fortes, mas que possuem suas marcas e cicatrizes oriundas de passados terríveis. É através do amor que começam a sentir uma pela outra, que as protagonistas se descobrem capazes de renascer, cuidar de si próprias e uma da outra.

O romance é belo de acompanhar e deixa aquele quentinho no coração, além de proporcionar uma grande apreensão de que as meninas sejam descobertas. Afinal, naquele reino, é proibido que as rainhas tenham qualquer envolvimento amoroso com qualquer pessoa.

Devo ressaltar, que além do romance entre as protagonistas, existe uma série de casais incríveis que são retratados, inclusive temos um relacionamento aberto que é baseado na confiança mútua entre os parceiros. Achei incrível.

O Final e o que esperar de próximos volumes

Ah e que final foi aquele, dona Lari?

Me pegou de surpresa, desprevenida. Me deixou com raiva, me emocionou e me fez ficar chorosa porque não tenho o volume dois para ler e saber o que vai acontecer com Aurea e Serena.

“A imortalidade, ela pensou, era um mistério que ela não saberia dizer se era uma benção ou uma maldição.”

O final é arrebatador por um motivo simples; a reviravolta de tudo, acontece em cerca de 90% do livro, depois do leitor ter quase certeza de que tudo vai terminar bem… Mas, acredite, haverá um ledo engano quando as reviravoltas ocorrerem e as coisas não forem nem um pouco como supomos.

Um final incrível e totalmente imprevisível.

A trama em si, deixa muitas pontas soltas que certamente serão respondidas pela autora nos volumes posteriores, além de deixar algumas dúvidas no ar, principalmente após aquele epílogo que consegue abrir perguntas para as quais ainda não temos nenhuma resposta.

Amanhecer de fogo e magia” é uma promessa para a fantasia nacional. Um livro maravilhoso de ler, repleto de representatividade, magia, mulheres fortes e uma trama política encantadora. Uma história que além de possuir um mundo bem construído, detêm um daqueles romances avassaladores, que deixam o coração de qualquer leitor quentinho.


Se interessou pelo livro? Quer adquiri-lo?
Compre através do nosso LINK da Amazon.
Aproveite que o e-book está disponível para quem é assinante do Kindle Unlimited.
Adquirindo a obra através do nosso link, você não paga nada mais por isso e ainda ajuda o blog a trazer cada vez mais conteúdo legal e bem trabalhado para vocês. 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s